fbpx

A palavra-chave é adaptação

Relações Públicas

O direcionamento estratégico das empresas depende do mercado em que operam.

A palavra-chave é adaptação. Em ambientes e mercados diferentes, a empresa precisa se adaptar para sobreviver e prosperar. Para isso, é necessário planejamento. 

Kerin, Hartley e Rudelius (2007, p. 8) afirmam que “embora a atividade de marketing de uma organização tenha como foco principal avaliar e satisfazer as necessidades do consumidor, incontáveis pessoas, grupos e forças diferentes interagem para moldar a natureza de suas atividades”. Entre essas forças, os autores elencam os fornecedores, clientes, acionistas, outras organizações, além das forças ambientais: sociais, econômicas, tecnológicas, competitivas e reguladoras. 

O desafio do gestor é encontrar o equilíbrio contínuo dos interesses da empresa com esses grupos que com ela interagem. Um bom exemplo de como o ambiente influencia de forma determinante as estratégias de marketing das organizações pode ser dado por uma empresa gaúcha do segmento de calçados. Essa empresa, com sede na região metropolitana de Porto Alegre, abriu uma filial no estado do Ceará, distante mais de quatro mil quilômetros de sua sede. No entanto, para os gestores da empresa, o grande desafio não foi apenas a distância física entre as unidades. Além das questões logísticas, as diferenças entre os ambientes (Rio Grande do Sul e Ceará) foram decisivas para a adoção de modelos de gestão adaptados à realidade de cada unidade. Técnicas de vendas que funcionavam bem num mercado, nem sempre surtiam o mesmo efeito no outro, por exemplo.

REFERÊNCIAS

KERIN, R. A. HARTLEY S.; RUDELIUS W. Marketing. 8. ed. São Paulo: McGraw-Hill, 2007.

CNPJ 34.709.711/0001-51

Site desenvolvido por Batista Comunicação